Crítica | O Exterminador do Futuro- Gênesis

Um bom recomeço para a franquia


   Finalmente 'O Exterminador do Futuro' ganhou uma grande oportunidade de poder recomeçar sua franquia nos cinemas com Gênesis. 

          
 O filme traça uma premissa de linha temporal que traz uma grande mudança com os fatos relacionados ao do original de 1984, quando foi dirigido e criado por James Cameron

 O longa também marca o retorno de Arnold Schwarzenegger após 11 anos ausentes da franquia, sendo que o mesmo não participou do quarto longa 'Exterminador do Futuro- A Salvação' (2009), devido a conflitos de sua agenda como governador do Estado da Califórnia e por isso ficou só no CDI.  

    A nova franquia, traz muitas revelações e uma expectativa bem alta sobre o que será daqui pra frente. Apresenta também uma nova Sarah Connor (Emilia Clarke), que mostra uma versão bem mais nova e mais guerreira e adequadamente pronta para essa nova geração. 
 
   Quando John Connor(Jason Clark)resolve enviar Kyle Reese (Jai Courtney) para o passado com a missão de proteger Sarah Connor, algo acaba dando errado e vários fatos são historicamente mudados. Fazendo assim, Sarah, Kyle e Guardião (Schwarzenegger) se vêem em um eventual futuro alternativo, onde nada é realmente o que parece ser. 

   As surpresas desse filme vão alem das cenas cômicas de Arnold, como uma direção bem mais empenhada de Alan Taylor (Thor: Mundo Sombrio), que mostra que planeja e executa muito bem as cenas de ação. Alem de uma boa direção, Taylor resolve ignorar muitos acontecimentos e isso inclui, o terceiro e quarto filme da franquia. Mesmo com algumas referências do segundo longa, o foco é o primeiro e como tudo ocorre quando um novo equilíbrio é determinado e modificando assim, o mundo que conhecemos. 

   

   Novos vilões são revelados,surpresas irão surgir e um final bem legal são fatos que fazem de 'O Exterminador do Futuro-Gênesis' um excelente filme que muda o seu passado,marca um novo presente e prepara um novo futuro. Agora, é só esperar o segundo longa que têm estreia marcada para 2017. 


   Avaliação do Filme: 9,0

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima