17 de agosto de 2016

Análise Geek : O Futuro dos Filmes da DC nos Cinemas




     Mesmo sendo detentora de todos os direitos dos heróis e vilões do universo DC, a Warner começa a se ver numa situação bastante complicada. Fazer com que seus filmes deem tão certo quanto os da Marvel dão. 


   Por enquanto ta sendo uma tarefa bastante difícil e árdua em 2016. 


  Primeiro que o mega encontro da história, o longa que deveria ser um marco por ter pela primeira vez nos cinemas, dois dos maiores do universo DC em ação se duelando e depois unindo forças contra um vilão maior que tudo foi recebido de forma morna e bastante criticada.  

  
Como uma pessoa que ama filmes, eu vi e adorei, achei um longa feito de fã para fã, más em Hollywood não é o amor de um fã que gera o lucro que os executivos tanto almejam.

 Eles querem algo muito alem disso e os números provam isso.Batman versus Superman: A Origem da Justiça, de longe chegou na bagatela desejada pelos executivos da Warner e até mesmo da estima que se fazia do filme ao longo de 2015 e inicio de 2016. Fazer "apenas" US$ 872,662,631 milhões não era o que se imaginava e ai começou a assustar o estúdio que tinha total certeza que seria bem recebido pelo público. 




   O fator "filmes da Dc são sombrios demais", fez com que o estúdio mexesse os pauzinhos  e mudasse criteriosamente o próximo "futuro sucesso" que também era esperado para este ano. Esquadrão Suicida foi culminado pelas mudanças feitas, temáticas mais leves e mais cômica que Batman vs Superman. 


  Tanto que do primeiro trailer ao último, o que se vê é uma sucessão de mudança de marketing e também  um tanto cartunesco.



A mudança foi tanta que até o ator Jared Leto se mostrou insatisfeito com o que fizeram com seu promissor Coringa. Que em diversas entrevistas, deixou a entender que não concordou com os vários cortes feitos pela Warner. O diretor David Ayer, estava mais que empolgado, sempre acreditando no filme, mas até ele, já sabia que algo deu errado no meio do percurso. 



 Agora o que resta são os esperados filmes da Mulher-Maravilha (2017) e da então "quase fundada" Liga da Justiça (2017). Ambos terão a difícil missão de agradar fãs e críticos ácidos que já estão acostumados com as mesmices que a Marvel traz todo ano, ou seja muita ação,drama e humor. 


  
  Não que seja ruim (de forma alguma),más é algo que já estamos acostumados a ter nos últimos anos. Pra enfrentar a Marvel de igual pra igual, ou então se firmar no ambiente cinematográfico, a DC/Warner terá que se mostrar diversificada para buscar bons resultados. 


  Os próximos anos dirão o que a Dc tem amostrar com os já citados Mulher-Maravilha(2017),Liga da Justiça(2017),The Flash(2018),Aquaman(2018),Liga da Justiça 2(2019), um filme do Shazam( com previsão para 2019),Ciborgue(2020),Tropa dos Lanternas Verdes(2020) e mais Homem de Aço 2 e The Batman que podem se encaixar em 2018 ou 2019. 



  Agora é aguardar pra ver.  

Share:

Translate

Cinema de Primeira Brasil

Postagem em destaque

Vingadores : Ultimato | Blockbuster Finalmente Ganha Seu Primeiro Trailer

Longa chega aos cinemas em abril de 2019   A Marvel Studios irá quebrar recordes hoje com o lançamento de "Vingadores: Ultimato" ...

Marcadores

Arquivo Cinema de Primeira