13 de março de 2019

A Incrível História de Viola Davis | Da Extrema Pobreza ao Oscar

                             Superação é seu sobrenome!



     São muitos poucos atores que conseguem feitos inacreditáveis e reconhecimento por suas obras. As vezes, muitos não conseguem se quer mostrar o que realmente podem fazer. Isso se deve a alta competição que existe por um espaço em Hollywood, não é só chegar e atuar em um papel e brilhar e fica milionário e mundialmente famoso....quisera fosse fácil e simples. 


   Mas a personagem de hoje de meus mais íntimos relatos, não é bem uma personagem em si e sim uma atriz que enaltece,motiva e cativa quem está em sua volta. 

 Estou me referindo a espetacular atriz Viola Davis, e que com certeza você vai passar a olhar ela com outros olhos e se tornar fã ,sendo hoje  reconhecida por suas obras e dona de um dos sorrisos mais lindos que já vi tanto no cinema quanto na TV.  


Nascida em 11 de Agosto de 1965 em uma fazenda de sua avó na Carolina do Sul,ela foi a segunda mais nova de um total de seis filhos . Filha de uma empregada doméstica e de um Operário de Fábrica que também atuava como treinador de cavalos, aos dois meses de idade, acabou se mudando para Rhode Island onde passou sua infância. 



Viola ainda Criança

 A atriz em algumas entrevistas,falou a respeito da fase de extrema pobreza que passou. 

Confira o que ela disse a Revista People: 




“A única foto que tenho da minha infância é uma da creche”
“Nessa imagem tenho uma expressão que não é um sorriso, mas tampouco estou com a cara amarrada. E juro que continuo sendo essa mesma menina toda vez que me levanto pela manhã e vejo tudo o que tenho ao meu redor e na minha vida, e penso: “Não posso acreditar no quanto Deus me abençoou”


“Sempre soube que era a mais pobre das pessoas que me rodeavam. Nosso ambiente e nosso espaço físico refletiam o poder aquisitivo da minha família. As tábuas ocupavam o lugar das paredes. Os encanamentos eram de má qualidade. Não tínhamos telefone nem comida, e havia ratos”


 Ela já afirmou também, que as dificuldades financeiras de sua família eram tão grandes que chegou a roubar e revirar latas de lixo em busca de comida.  


 Mais aos 8 anos de idade, Viola decidiu que queria ser atriz. Ela já declarou em diversas vezes, que suas brincadeiras de infância era criar roteiros e histórias e ficar atuando com eles e usava essa "brincadeira" como forma de "fugir" de sua realidade pobre.  





“Era como uma espécie de motivação. O problema com a pobreza está em que começa a afetar a sua mente e o espírito porque você é invisível para as pessoas. Mas eu desde muito jovem decidi que não queria esse tipo de vida. E ter vivido assim me permitiu valorizar muito e apreciar o que tenho agora, porque nunca tive antes. Um jardim, uma casa, encanamentos em bom estado, uma geladeira cheia, isso que as pessoas sempre dão por certo, eu não tive”



Ela tinha como inspiração, a atriz Cicely Tyson, na qual tinha grande admiração por seus trabalhos. 


Em 1988, com muito esforço e dedicação,Viola se formou em teatro pela Rhode Island College.  Alguns anos depois,mas precisamente em 1993, ela conseguiria se formar em uma das mais tradicionais escolas de arte dos Estados Unidos, a espetacular Juilliard School que fica sitiada em Nova Yorke.  

Foi lá que ela começou atuando em diversas peças por um longo tempo na Broadway.

Em 1996, ela começou a ser reconhecida pelo seus trabalhos ao ser indicada pela primeira vez ao Tony Awards, que é considerada o Oscar dos Palcos, sonho de todo ator ou atriz que almeja chegar ao sucesso.  
Viola em cena de Seven Guitars

Ainda em 1996, ela iria fazer sua tão sonhada estreia no cinema, seu primeiro papel foi uma ponta no longa "The Substance of Fire"


Em cena de The Substance of Fire
 Depois de uns anos fazendo teatro e pontas em alguns filmes, ela começou a ganhar mais espaço na TV, foi onde ela estreou na série "City of Angels" , isso já em 2000. 
Viola em City of Angels

Ainda em 2000, ela atuou no longa "Traffic" que foi indicado ao Oscar, mas sua personagem tinha uma participação pequena, mas de fato esse foi o filme mais importante no inicio de sua carreira.  



Mas o diretor Steven Soderbergh  que gostou de sua atuação e a chamou para trabalhar nos filmes "Solaris e Syriana- A Indústria do Petróleo" nos anos de 2002 e 2005 respectivamente


Em cena de Solaris ao lado de George Cloney

Mas foi em 2001, que atriz começou a faturar prêmios com o seu primeiro Tony Awards em sua segunda indicação pela peça King of Hedley II.




Em cena da peça King of Hedley II

Em 2002, ela atuou ao lado da atriz Julianne Moore no longa "Longe do Paraíso", no qual fez bastante sucesso com a crítica especializada.  


Mas somente em 2008, que Viola começou a chamar mais atenção no cinema e foi com o filme "Duvida" que ela ganhou a sua primeira indicação ao Oscar na categoria de Melhor atriz Coadjuvante.  

 Confira: 



 Detalhe importante para conhecimento de todos, essa foi a única cena dela no filme, com quase oito minutos e ela conseguiu ganhar uma indicação ao Oscar. Daí,você já começa a entender o talento que ela tem. 

 O filme tinha um elenco de peso para o cinema com Mery Streep, Phillip-Seymour Hoffman e Amy Adams.   

Fazendo sucesso nos palcos e  projetando ascensão no cinema, em 2010, ela ganhou o seu segundo Tony Awards com a peça Fences.  
Ganhando seu Primeiro Tony


Casada com Julius Tennon desde de 2003, ela acabou sendo mãe em 2011, quando ela e o esposo adotaram a menina Genesis.  

Em 2011, ela fez bastante sucesso com o filme "Histórias Cruzadas" e recebeu sua primeira indicação ao Oscar na categoria de melhor atriz.  




Viola ao lado de Octavia Spencer em Histórias Cruzadas


Curiosamente, a atriz alguns anos depois, em uma entrevista ao The New York Times, disse que se arrependeu de fazer o filme, pois achou que as vozes das empregadas não foram ouvidas.  


Confira : 




"Se eu já me arrependi de algum papel? Sim. Histórias Cruzadas está nesta lista. Senti que no final as vozes das empregadas não foram ouvidas"



Ela não ganhou o Oscar pelo filme, mas ganhou o SAG Awards (considerado o Oscar do sindicato de cinema e televisão). 


Confira sem discurso de agradecimento extremamente emocional e que fez muita gente chorar ao vê na TV. 




Alem desse lindo discurso, Viola  conseguiu o feito de está em dois filmes que concorria ao Oscar do mesmo ano. Histórias Cruzadas e Tão Longe,Tão Perto. 


Nesse mesmo ano, ela também se igualou a atriz Whoolpi Goldberg, e se tornou a segunda atriz negra a ser indicada pelo Oscar em duas categorias diferentes, Melhor Atriz Coadjuvante e  Melhor Atriz. 

A primeira a fazer esse feito foi Whoolpi Goldberg.  


Ela também foi ao Oscar sem sua peruca e foi bastante comentada sobre mostrar seu visual.

Quando questionada ela disse : 





“Eu resolvi tirar minha peruca, pois queria passar a ser eu mesma. Eu adoro perucas e ainda vou usá-las de vez em quando. Mas o que eu sentia era que, cada vez que eu colocava uma peruca, eu estava pedindo desculpas por ser quem eu sou: uma mulher de pele escura e com o cabelo crespo”,



Viola na Cerimônia do Oscar



O ano de 2012 foi determinante na carreira de viola, ela também foi eleita pela Time como uma das mulheres mais influentes do mundo, numa lista de 100 pessoas.  

No ano de 2014, ela iria se tornar uma das mais poderosas da TV americana com a sua personagem "How to Get Away with Murder" , com a advogada Annalise Keating. 


 Essa série alias, realizou um sonho, que foi atuar ao lado de  sua atriz inspiradora Cicely Tyson,onde fazem mãe e filha. 
Em cena de How to Get Away with Murder



E em 2015, ela se consagra com todo talento por seu trabalho na série com seu primeiro Emmy Awards que é o Oscar da TV americana; 
Ela se tornaria a primeira mulher negra na história a receber o prêmio de Melhor atriz  nessa categoria. 


Esse para mim, foi um dos discursos dela mais incríveis e emocionantes. Díficil não se comover com as palavras ditas por ela nesse agradecimento.  

Confira e não contenha as lágrimas caso elas surjam.  




Em 2016, ela passou por momentos distintos na carreira. Mesmo fazendo sucesso na televisão, ela foi para os cinemas com o longa inspirado na peça de teatro que deu seu segundo Tony. Ao lado do incrível Denzel Washington, ela atuou em Fences.  Filme que lhe rendeu uma indicação e prêmio de Melhor Atriz no Globo de Ouro


Alem do Globo de Ouro, ela também ganhou seu quarto SAG Awards. Sendo que ela já havia ganhado um por Histórias Cruzadas e dois por How to Get Away with Murder. 


Em 2016, ela também atuou em "Esquadrão Suicida", filme que a fez interpretar a manipuladora Amanda Waller do Universo DC Films. 



Em 2017, Viola iria quebrar mais um tabu. Ela seria indicada pela terceira vez a um Oscar, agora na categoria de Melhor Atriz pelo filme Fences. Um feito inédito para uma atriz negra, até então ela estava igualada a Whoolpi Goldberg. 

How to Get Away with Murder e principalmente Fences são os divisores de água em sua carreira e vida. 

Confira o seu discuso de agradecimento: 




Uma tríplice coroa com Sag Awards, Globo de Ouro e Oscar,Viola Davis nos prova que se você  possui um sonho, independente das dificuldades, não desista, insista, mesmo quando te disserem "não", não abaixe a cabeça, siga em frente e vá onde você quer ir, realize seus projetos, nunca desista e não deixe que digam que você não é capaz. 



Se depois de ler essa matéria e mesmo assim você não gostar do trabalho da atriz, ao menos se permita se inspirar na determinação dessa mulher incrível, que saiu de uma condição pobre, para se consagrar como atriz influente e respeitada por onde passa. 



Dedico essa matéria as minhas amigas Marlucia,Suelem,Débora, Patricia,Priscila,GiselyCintia. Pelo reconhecimento ao meu trabalho e por todas serem exemplos de representatividade feminina. 


Muito obrigado!!!


Cinema de Primeira 
Escrito por Leandro Barreira
Carioca, apaixonado por cinema, Nerd Extremista
E tem como lema chave em sua vida 
"No dia mais claro
Na noite mais densa
O mal sucumbirá ante à minha presença
Quem comete a maldade tudo perde"

Share:

0 Deixe seu Comentário:

Postar um comentário

Translate

Cinema de Primeira Brasil

Postagem em destaque

Vingadores: Ultimato | Filme Ganha Segundo e Dramático Trailer

Longa chega em abril nos cinemas     A Disney quer matar todos nós do coração né gente ?. Saiu hoje o segundo trailer de Vingadores:Ul...

Marcadores

Arquivo Cinema de Primeira

Seguidores Cinema de Primeira