365 Dias | Provavelmente é o Pior Filme do Ano

Longa sensação da Netflix deixa a desejar em diversos aspectos

Conteúdo para Maiores de 18 anos




  
O longa Polonês 365 Dias está dominando a Netflix. Porém não se engane em achar que este longa é um baita sucesso ou que seu roteiro tem estruturas incríveis e atuações primorosas. 365 Dias é tudo aquilo que você não quer ver em filme.  


 A "Super Trama" mostra Laura uma mulher independente que tem um relacionamento em que seu namorado não lhe da tanta atenção. Então surge em seu caminho através de um sequestro (sim um sequestro) Massimo, um homem que alega ter sonhado com Laura cerca de cinco anos antes enquanto estava prestes a morrer. 


 Em sua obsessão, Massimo acredita que Laura é o grande amor de sua vida. E resolve dá um ultimato a Laura. Ela tem 365 dias para aprender a amá-lo ou ele a liberta. 


A forma de demonstrar "seu amor" por Laura  Massimo a mantém em cativeiro em sua mega mansão sem deixar ela ter muita autonomia. 


O longa tem um roteiro tão tosco, frustrante e pequenino que é facilmente esquecível. 


A única coisa que ele se propõe mesmo é focar em suas cenas de sexo explicito que deixam a franquia "50 Tons de Cinza" algo "leve". Simplesmente é só sexo baseado em um relacionamento abusivo uma vez que a pessoa é sequestrada. É uma trama tão ruim que fica impossível imaginar que alguém aceitaria a passar por isso.  


As atuações então nem se fala. Os atores só estão na esfera da beleza mas nos termos técnicos são péssimos. A unica explicação que tem para este longa está fazendo sucesso na Netflix é que o povo curte filmes trash com pegadas sexuais. Dane-se a história, o enredo, a lógica pois nada disso tem importância. 


Em sua profundidade  esse longa é praticamente um filme que seria facilmente visto num Cine Band Prive da vida. 


Muito fraco, cenas ruins, edição nem se fala. Ele sem dúvidas se encaixa no quesito "Pior do Ano"(Framboesa de Ouro já te espera). 

O Filme não passa nenhuma mensagem boa. Ele é horrível, não passa de um trash medíocre no qual a síndrome de Estocolmo (onde a vitima passa a ter simpatia e apreço pelo sequestrador) é vista como pano de fundo de uma trama a beira do caos.  



Um dos piores filmes que já vi na vida e de 2020.  


Cinema de Primeira Brasil é escrito e editado por Leandro Barreira, que é Nerd Extremista, fã de séries,games e viciado em filmes.  Carioca de coração e que possui um juramento em sua vida: 

"No dia mais claro
Na noite mais densa
O mal sucumbirá ante à minha presença
Quem comete a maldade tudo perde" 


Share:

0 Deixe seu Comentário:

Postar um comentário

Translate

Cinema de Primeira Brasil

Postagem em destaque

Pantera Negra | Morre o Ator Chadwick Boseman aos 43 Anos e Diretor Ryan Coogler Publica Texto Comovente

Ator enfrentava um câncer desde de 2016.   Na última sexta-feira, o mundo do cinema ficou em choque com a morte do ator Chadwick Boseman aos...

Marcadores

Marcadores

Arquivo Cinema de Primeira